Carimbó De Vovó Sinhá

Marinês

Eu fui a belém do pará
Ver a moçada dançar
Cheguei lá fui logo encontrando
A minha vovó a se requebrar


Ela dançava bonito o ritmo quente do meu carimbó
Até me chamou pra dançar, também chamou meu vovô
Vovô dançava animado quase requebrado fazendo pular
As meninas que estavam por perto dançavam e jogavam as pernas pro ar


Ô lelê, ô lelê, ô lalá
Vamos pra casa da vovó sinhá
Dançar o meu carimbó
Que é ritmo quente em belém do par


Lá na casa da vovó sinhá eu vi o papagaio falar
Ele disse requebra menina é dia de festa e vai ter siribó