(Tradução)Champagne

Peppino di Capri

Champanhe
Para brindar um encontro
Com você que já era de um outro
Você se lembra?
Houve um convite:
Esta noite vamos todos para minha casa!
E assim, começava a festa
E tu já estavas um pouco embriagada.
Para mim os outros não existiam,
O meu olhar era somente teu.
Se você quiser, eu te acompanho, se você quiser,
A desculpa mais banal
Para ficarmos somente eu e você.
E depois
Jogar fora, porque
Te amar como eu sei
A primeira e última vez.

Champanhe
Por um doce segredo
Para nós um amor proibido
No entanto resta somente um copo
E de uma lembrança para jogar fora
Eu sei
Prestem atenção
Eu sei
Que parece uma loucura
Brindar sozinho sem uma companhia, mas
Mas eu
Eu devo festejar
O final de um amor
Garçon... champanhe!