Pavor Dos Paraísos

Raimundo Fagner

O novo no meu sorriso
É antigo em minha dor
O amargo feito amigo
Sem o brilho do rancor

O sacrifício do riso
Ao frescor dos dentifrícios
É antigo em meu inferno
O pavor dos paraísos

Nada nos interessa
Nada do que preciso
Posso encontrar entre os dentes
Do provisório sorriso

Nada nos interessa
Nada do que preciso
Posso encontrar entre os dentes
Do provisório sorriso

O novo no meu sorriso
É antigo em minha dor
O amargo feito amigo
Sem o brilho do rancor

O sacrifício do riso
Ao frescor dos dentifrícios
É antigo em meu inferno
O pavor dos paraísos

Nada nos interessa ...

  • iran
    -
    desde o dia que ouvi esta musica entendi o pavor que tenho do que não entendo dedete barbacena/mg