Cartoon (Letra)
Compositor: Karlla Naynna
Tem dias que me sinto do avesso, incomum
Num mundo cheio de egoísmo, cartoon
Amar virou clichê, magoar é hobby

O lado certo é obscuro, snobby

Prefiro ser do contra, colorido
De convicções exaurido
Original, por ser eu mesma, sem tirar nem por
É vixe atrás de eita, a todo vapor

Descobrimos no olhar quem está agindo de má fé
Quem é amado, quem precisa ser amado, quem é rodapé?
Quem suplica, quem multiplica, quem irá persistir?
Cada um tem sua maneira de existir

Descobrimos no olhar quem está agindo de má fé
Quem é amado, quem precisa ser amado, quem é rodapé?
Quem suplica, quem multiplica, quem irá persistir?
Cada um tem sua maneira de existir

Incremant Beats

Quem é amado, quem precisa ser amado?
Quem é rodapé?

Promova o que te encanta
Ao invés de atacar o que te desagrada
Roteiro caótico, existência desregrada
Apague o que passou e não retorna mais
Mais sol, menos treta, diversos ramais

Refaça o seu acervo de lembranças
Permaneça nos trilhos
As más, relegue ao esquecimento
Às boas, dê ainda mais brilho
As más, relegue ao esquecimento
Às boas, dê ainda mais brilho
Informações

da Música (Cartoon)

Editar Informações

Comentários Cartoon

  • Comentar
      Foto do Álbum