Pai Véio 171

Add
Pai Véio 171 (Letra)
Compositor: inserir
Quê falá com pai véio vem agora
Porque pai véio já quê isse embora

I mai meu fio tú tá todo macumbado
As piranhas estão te devorando
Não tem um lugar nem prá dormir
E ainda meu fio mora andando
Escute o que o véio vai falá
E num papé tú vai iscrivinhando

Ói mai me traga oito quilo di feijão
Deis galinha bem gorda e bem pelada
Deis quilo de arroz e macarrão
E deis lata de doce de marmelada
Deis garrafa de vinho do bonzão
E a tua mironga tá curada

I mai me traga também um bi e meio
Que meu fio vai ganhá grande tesouro
Vai ser o maior dos fazendeiros
Vai vendê muita vaca e muito touro
Se meu fio não tivê dinheiro vivo
Pode ser cheque verde ou cheque ouro

I meu fio mai tú vai na paz de deus
Que agora meu fio tá seguro
E vai ganhá tudo o que perdeu
Pai véio vai te dá grande futuro
Se voltá contando ao povo d'eu
Por favor não me traga ninguém duro.
Informações

da Música (Pai Véio 171)

Editar Informações

Comentários Pai Véio 171

  • Comentar

    Álbuns com a música: Pai Véio 171

    • Pai Véio 171 - Produto Do Morro
    • Pai Véio 171 - bezerra da silvaa giria e a cultura do povo(01)_a giria e cultura do povo
      Foto do Álbum