Gritos de Guerra (Letra)
Compositor: inserir
Vou caminhando entre flores e guerras
Vou deslizando entre o bem e o mal
Um pouco louco entre monstros e feras
Sou cavaleiro do juízo final
A esperança é uma flecha de fogo
Que faz arder no meu coração
Eu canto e grito de novo
Paz nesse mundo e união

(Refrão):
Ê ô ê ô aiaiaiaiaiai
Ê ô ê ô aiaiaiaiaiai 2x
Ê ô ê ô aiaiaiaiaiai iaaaaaaaaaa

A minha espada é a voz com que eu canto
Voando leve livre como o Pardal
Você me beija e eu me perco no encanto
Olho pra vida fantasia real
A esperança é uma flecha de fogo
Que faz arder no meu coração
Eu canto e grito de novo
Paz nesse mundo e união
Informações

da Música (Gritos de Guerra)

Editar Informações

Comentários Gritos de Guerra

  • Comentar

    Álbuns com a música: Gritos de Guerra

    • Gritos de Guerra - Borboleta Azul
    • Gritos de Guerra - Gritos De Guerra
    • Gritos de Guerra - Quero Chiclete
      Foto do Álbum