Na Hora de Amar (Letra)
Compositor: inserir
Na Hora de Amar
Cleiton e Camargo

Seu olhar sempre está muito longe
Em um lugar que se chama solidão
Chego a pensar, que você se esconde da minha paixão
Sempre a voar, pensamento tão distante
E eu me pergunto: O que foi que fiz?
Mas são palavras que ninguém responde, te vejo infeliz.
Você deve estar, com medo de contar.
Que seu amor,por mim acabou, sempre fingiu, nada sentiu
Na hora de amar.
Eu vejo o sol se afastando no horizonte
Igual você que se escondeu de mim
Não sei porque um amor que é tão grande
Foi ficando assim
Você deve estar, insensível com medo de contar
Que seu amor, por mim acabou, sempre fingiu, nada sentiu, na hora de amar...
Tem medo de contar
Que seu amor, por mim acabou, sempre fingiu, nada sentiu, na hora de amar
A gente sente quando tudo acabou
Quando o encanto da paixão sumiu, oh, oh...
Um sentimento que só meu coração descobriu...
Uoh, oh oh oh oh, você deve estar, (insensivel) com medo de contar
Que seu amor,por mim acabou, sempre fingiu, nada sentiu
Na hora de ama......ar
Informações

da Música (Na Hora de Amar)

Editar Informações

Comentários Na Hora de Amar

  • Comentar

    Álbuns com a música: Na Hora de Amar

    • Na Hora de Amar - Os maiores susessos de Cleiton e Camargo
    • Na Hora de Amar - Bis - Cleiton e Camargo (Dois Cds)
    • Na Hora de Amar - Cleiton e Camargo 1998
    • Na Hora de Amar - Isso Não É Amor
    • Na Hora de Amar - Cleiton & Camargo Cantam Zezé Di Camargo & Luciano, Lado B
    • Na Hora de Amar - Identidade - Cleiton & Camargo
      Foto do Álbum