Chico Mendes, o Arauto Da Natureza / Iunankiê

Add
Chico Mendes, o Arauto Da Natureza / Iunankiê (Letra)
Compositor: inserir
Amazônia que verde encantador
Fauna tão linda um verdadeiro festival em flor
Terra rica em frutos e pesca
Chico (Mendes) foi um mensageiro

Em defesa da floresta
E os invasores por ambição
Calaram Chico
Dando seqüência á destruição

Cararaô,
Um grito forte do índio ecoou, Cararaô
A natureza inteira despertou
Cararaô

Iunankiê ê ê ê ê
Iunankiê ê ê ê ê - ô ô ô
Meu rio chorando de dor
Num clamor quase mudo

Ferido no leito pelo branco invasor
A mata em silêncio reclama
A terra ferida no ventre
Desnudaram o meu chão

A cobiça rompeu o seio da selva
E levaram o ouro que é seu
E o guerreiro da taba sagrada
Guerreiro da tribo tupi

Banido da nação
Vai sangrando na grande batalha
Cai ferido no chão
Chora meu povo, chora minha terra

Chora minha nação, chora o Inca
Chora Omagoa chora Parintintis ô ô
Yanomanes lançaram suas flechas
Yanomanes seu grito de guerra

Explode no ar
Hey-á, hey-á, hey-á, hey-á, hey-á, hey-á
Hey-á, hey-á, hey-á, hey-á, hey-á, hey-á
Yanomanes lançaram suas flechas

Yanomanes seu grito de guerra
Explode no ar
Informações

da Música (Chico Mendes, o Arauto Da Natureza / Iunankiê)

Editar Informações

Comentários Chico Mendes, o Arauto Da Natureza / Iunankiê

  • Comentar
      Foto do Álbum