Veio Do Tempo

Add

De algum lugar esquecido
No fundo do pensamento
Vêm relâmpagos, sinais
De futuros temporais


Veio do tempo
Tempo
Maçã que eu não mordi
Veio do tempo
Dos mundos que eu não frequento
De onze ou mais dimensões
Vibram mensagens e postais
De boas novas imortais


Veio do tempo
Tempo
Ardor que eu não senti
Veio do tempo


Veio do tempo
Tempo
A dor que eu não senti
Veio do tempo


De algum pulsar escondido
No fundo dos corações
Vem uma furtiva lágrima
Derramando desaguar


No veio do tempo
Tempo
Paixão que eu não perdi
Veio do tempo


Veio do tempo
Tempo
Amor que eu não medi
Veio do tempo


Eu continuo correndo
Eu continuo fervendo
Eu continuo querendo
Tempo
Viver o que eu não vivi

Comentários
  • Comentar
      Foto do Álbum