Quebra-galho (Letra)
Compositor: inserir
Quebra galho
Autor: Paulo nascimento de iguatu e Beto Giovan

Eu soube que o velho dela ta querendo dar pra traz
E balança muito mais que badalo de chocalho
Passa o dia cochilando, não faz um carinho a ela
E eu de tanta pena dela quero ser seu quebra galho

Ela é nova e é bonita doida pra levar acocho
Más o velho dela é frouxo pra se bulir da trabalho
Já cai na cama roncando, nem ao menos trisca nela,
Ah se alguém dissesse a ela que o certo é um quebra galho.

Quero ser seu quebra galho, quero ser seu quebra galho,
Meu motor ta um estouro, se o velho não dá no couro
Porque não um quebra galho.

Tão dizendo que o problema do velho não se acaba
Nem com chá de catuaba gemada e queijo de coalho
Tando de pé é molenga, se ficar deitado gela,
Tudo é motivo pra ela arranjar um quebra galho.

O velho dela ta fraco, sem jeito até pra sorrir,
Sem força até pra subir um simples penduricalho,
Quando é pra furar o couro deixa cair à sovela,
E eu não sei porque que ela não procura um quebra galho.

Quero ser seu quebra galho, quero ser seu quebra galho,
Meu motor ta um estouro, se o velho não dá no couro,
Porque não um quebra galho.
Informações

da Música (Quebra-galho)

Editar Informações

Comentários Quebra-galho

  • Comentar
      Foto do Álbum