Pancadas do Amor (Letra)
Compositores: Parentinho, Ismael
Quando a gente perde a pessoa que ama
Rola na cama pra lá e pra cá
Acende um cigarro e outro cigarro
Sentindo no peito a saudade queimar

Assim vou vivendo curtindo a saudade
Da felicidade que um dia perdi
No jogo do amor eu sempre venci
Mas os beijos dela jamais esqueci

Choro nos braços da noite
A minha mágoa de dor
Sentindo na alma os açoites
Das pancadas do amor

Existe um provérbio que diz
Bebida não cura paixão
Mas este remédio pra mim
Ameniza o meu coração

Assim vou vivendo curtindo a saudade
Da felicidade que um dia perdi
No jogo do amor eu sempre venci
Mas os beijos dela jamais esqueci

Choro nos braços da noite
A minha mágoa de dor
Sentindo na alma os açoites
Das pancadas do amor

Existe um provérbio que diz
Bebida não cura paixão
Mas este remédio pra mim
Ameniza o meu coração
Informações

da Música (Pancadas do Amor)

Editar Informações

Comentários Pancadas do Amor

  • Comentar
      Foto do Álbum