Pé De Chinelo (Letra)
Compositores: Peão Carreiro, Praense
Muito obrigado, querida flor
Pelo grande amor que me ofereceu
Viveu comigo sem falsidade
Felicidade você me deu

Nem mesmo a força de mil rivais
Nunca foi capaz de nos separar
Você pra mim foi um céu na terra
Minha boneca linda e sincera
Que sempre soube me respeitar

Porém um dia não sei por quê
Eu deixei você tão abandonada
E ao sentir o cruel fracasso
Em outros braços foi amparada

Seu novo amor vive a esnobar
E a criticar o meu sonho morto
Promete até lhe dar um castelo
Para esquecer um pé de chinelo
Que nunca pode lhe dar conforto

Diga para ele
Que sempre fala que eu não presto
Que dos meus beijos você é resto
E ainda é meu o seu coração

Diga para ele
Que você gosta de mim ainda
E as nossas horas que foram lindas
Futuramente retornarão

Diga para ele
Que sempre fala que eu não presto
Que dos meus beijos você é resto
E ainda é meu o seu coração

Diga para ele
Que você gosta de mim ainda
E as nossas horas que foram lindas
Futuramente retornarão
Informações

da Música (Pé De Chinelo)

Editar Informações

Comentários Pé De Chinelo

  • Comentar
      Foto do Álbum