Vida De Cachorro (Letra)
Compositores: Peão Carreiro, Praense
Brigamos ontem, o motivo eu não sei
Pelo que vejo vamos brigar outra vez
Casal briguento nunca pode ser feliz
Vejo em seus olhos coisas que você não diz
Por que não fala qual foi o mal que lhe fiz?

Vivemos juntos como fossem dois estranhos
Faz muito tempo que um beijinho seu não ganho
Se não mudar pode crer que assim eu morro
Sou obrigado sair gritando socorro
É um inferno a nossa vida de cachorro

Brigamos ontem, o motivo eu não sei
Pelo que vejo vamos brigar outra vez
Casal briguento nunca pode ser feliz
Vejo em seus olhos coisas que você não diz
Por que não fala qual foi o mal que lhe fiz?

Vivemos juntos como fossem dois estranhos
Faz muito tempo que um beijinho seu não ganho
Se não mudar pode crer que assim eu morro
Sou obrigado sair gritando socorro
É um inferno a nossa vida de cachorro
Informações

da Música (Vida De Cachorro)

Editar Informações

Comentários Vida De Cachorro

  • Comentar
      Foto do Álbum