Grito De Alerta (Letra)
Compositores: Solevante, José Domingos
Brasil desenfreado, alguém desumano
Que vem acabando com a natureza
Fogo nas florestas, águas poluídas
Peixe rola sem vida pela correnteza

Terras produtivas, fonte de riqueza
Coberta pelas represas da destruição
Nossa ecologia está desprotegida
Vem sendo destruída pela ambição

O verde do Brasil não é mais verde
Agora virou cinza, infelizmente
O branco do Brasil não é mais branco
Agora é vermelho e muito quente

Aqui o sol não brilha, está se escondendo
Tem medo do veneno jogado sobre a terra
Cadê as matas virgens alegres e perfumadas
Já foram devoradas pela motosserra

Um grito de alerta fica registrado
Temos um passado que temos que zelar
Vamos replantar o verde da esperança
E dar as nossas crianças o direito de amar

O amarelo do Brasil ainda existe
O ouro que simboliza a nossa raça
O azul do Brasil ninguém mais vê
Porque está coberto de fumaça
Informações

da Música (Grito De Alerta)

Editar Informações

Comentários Grito De Alerta

  • Comentar
      Foto do Álbum