Editar Biografia

Biografia Thiaguinho

Não, ele não é apenas cantor, Thiaguinho também é compositor, instrumentista, apresentador e dono de um brilho especial. Thiago domina o palco como ninguém com seu talento, simpatia e gingado. Com um estilo musical que mistura pagode, R&B, funk e pop, ele é muito versátil em seus trabalhos. O cantor começou sua carreira em um dos maiores grupos de pagode, o Exaltasmba e agora continua sua trajetória de sucesso em carreira solo. Ele já foi indicado ao Grammy, chegou a ser considerado uma das 100 personalidades mais influentes de 2013 e faz mais de 220 shows por ano. Nas redes sociais, ele também é top. Sua página no facebook tem mais de 8 milhões de curtidas e no instagram são mais de 3 milhões de seguidores, assim como no Twitter.

Criança musical

Thiago André Barbosa nasceu em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, em 11 de março de 1983, mas foi criado no Mato Grosso do Sul. Aprendeu a tocar violão e começou a compor aos doze anos de idade. Aos catorze, aprendeu cavaquinho. Thiago começou cantando e tocando violão no coral da igreja, mas ao 17 anos já estava se apresentando na noite. Embora seu sonho fosse cantar, ele chegou a cursar jornalismo na Unoeste (Universidade do Oeste Paulista), em Presidente Prudente.

Como morou em Mato Grosso Sul, ele música ouvia muita música sertaneja, mas em casa também tocava Elis Regina e Tim Maia. Mas o pagode sempre falou mais alto nas preferências do cantor, que começou no grupo Samba e Suor. Mas as coisas começaram a melhorar em 2002, depois dele se destacar no reality show Fama, da TV Globo, que tinha o objetivo de descobrir novos talentos da música. Nessa época ele estava com 19 anos.

Direto para o Exalta

Thiaguinho então sai do programa e em 2003 é convidado para ser o vocalista do Exaltasamba, um dos maiores grupos de pagode brasileiro. Ele entra no lugar do vocalista Chrigor que está em depressão e prefere sair da banda. Thiaguinho assume o vocal ao lado de Péricles e os fãs o recebem muito bem. Cheio de carisma e talento, ele atraiu ainda mais fãs para o grupo.

No entanto, passa pela sua cabeça desistir de tudo por perceber que a gravadora não acreditava nele, mas a troca de empresário do grupo faz toda a diferença e Thiaguinho segue em frente.

Ainda em 2003, o Exalta lança o CD “Alegrando a Massa”, que tem os sucessos “Como nunca amei ninguém”, “Deixa rolar”, “Samba Alegria” e “É Demais”. Em 2005 é a vez de “Esquema Novo” com os hits “Em qualquer lugar”, “Meu Esquema”, “Que saudade”, “Amor dos Anjos” e “Já Tentei”, uma das composições do cantor.

Em 2006, o Exalta coloca nas lojas o CD e primeiro DVD “Todos os sambas ao vivo” que reúne os melhores sucessos da banda, relembrando os 20 anos desde a formação. O disco também tem as inéditas “Faz Falta” e “Acaba Tudo bem” e é um sucesso de vendas.

No ano seguinte, eles lançam “Livre para Voar” com participação de Jorge Aragão em “Eu e você sempre”, de Chrigor na música “Me apaixonei pela pessoa errada” e de Alcione em “É demais”. Outros destaques são “Livre para Voar”, “Como Nunca Amei Ninguém”, “Gamei”, “Estrela” e “Cartão Postal”.

Em 2007, o Exalta lança o CD e DVD “Ao Vivo Pagode do Exalta” e o principal hit é “Livre pra Voar” com mais de 50 mil downloads pagos, além de “Mega Star”, “Preciso Desabafar”, “Anjo Meu” e “É Você”. Dois anos depois, eles colocam no mercado “Ao Vivo na Ilha da Magia”, gravado em Florianópolis (SC) e os sucessos ficam por conta de “Valeu”, “Se Liga”, “Segura Onda”, “Calma Amor”, e “Fui”. Eles ganham disco de ouro e o trabalho também sai em DVD e blue-ray.

Em 2009, Thiaguinho e Péricles participam da gravação do CD/DVD “O Baile do Simonal”, cantando “Na galha do cajueiro”.

Em 2010, eles lançam “Roda de Samba do Exalta”, que tem a participação de Rodriguinho nas músicas “Palavra de amigo” e “Cabeça Dura”, do Harmonia do Samba em “Oceano” e Fundo de Quintal em “Nova Esperança”.

Neste mesmo ano, é a vez de do CD, DVD e Blue-ray “Exaltasamba – 25 anos ao Vivo” gravado em São Paulo com mais de 38 mil pessoas na plateia. Além de “Tá vendo aquela lua”, uma das músicas mais tocadas do Brasil, o show conta com participação especial de MC Catra na faixa "A gente faz a festa", Chitãozinho e Xororó em "Minha razão", Rodriguinho em "Pare de falar tanta besteira", padre Reginaldo Manzotti em "Uma carta para Deus" e da atriz Mariana Rios em "Viver sem ti".

Este disco ganha o Prêmio Multishow de Música Brasileira por voto popular, na categoria Melhor Grupo. E a música "Valeu", de sua autoria em parceria com Rodriguinho, conquistou o Prêmio de Música Digital na categoria "Música Mais Vendida".

O grupo lança agora “Tá vendo aquela lua” que tem alguns remix, a música “Bem que se Quis”, da Marisa Monte, uma versão Black de “Livre para voar (quando a gente se encontrar)”, além de "O Troco" com participação de Maria Cecília & Rodolfo.

Em junho de 2011, Péricles, Thiaguinho, Pinha, Thell e Brilhantina anunciam o fim do Exalta e Thiaguinho segue em carreira solo. Em 2012, o canal Multishow transmite o último show do grupo e a apresentação sai em CD, DVD e Blue Ray.

O sonho da carreira solo

O primeiro trabalho de Thiaguinho sozinho é o CD “Acústico”, lançado em 2012 de forma independente, sem nenhuma música que cantou na época do Exaltasamba. No repertório estão as canções “Buquê de Flores”, “Ainda Bem”, “Mamão com Mel”, “Sou o Cara Pra Você”, “Ainda Tudo Seu” com participação de Luiza Possi e “Cabeça Dura” com Rodriguinho, seu parceiro de sempre.

Neste mesmo ano, já com o selo da Som Livre, ele lança o CD, DVD e Blue Ray “Ousadia e Alegria”. Além de cantar e tocar violão e cavaquinho, ele lança a música “Buquê de Flores”, em parceria com Pezinho, que dessa vez fica entre as mais tocadas. A gravação ao vivo é em São Paulo e o CD e DVD tem 16 canções inéditas e algumas regravações, além de diversas participações especiais. Ele divide o palco e o microfone com a musa Ivete Sangalo em “O Poder do Pretinho”, Gilberto Gil em “Simples Desejo”, Alexandre Pires em “Lero Lero” e Neymar em “Ousadia & Alegria”. Mas neste álbum também tem “Eternamente Feliz”, “Antes de Dizer Adeus”, “Sou o Cara para Você” e “Leite Condensado”. No DVD ainda tem três músicas a mais, entre elas “Antes É Tudo Seu” com participação da sua parceira, a cantora Luiza Possi.

Em 2013 é a vez de do EP “Mais e Mais” pela Som Livre, com seis faixas inéditas e produção de Rodriguinho, seu parceiro em quatro composições. Misturando pagode com pop e R&B, estão neste trabalho os sucessos “Será que é Amor”, “Aparências Enganam”, “Deite que lhe usar”, “Facada”, “Quer Beijinho”, “Mais e Mais”. O disco está entre os mais vendidos.

Neste mesmo ano, o cantor ganha o Prêmio Multishow de Música Brasileira na categoria Melhor Música por “Buquê de Flores”.

No ano seguinte, Thiaguinho coloca nas lojas “Outro dia, outra história” com muito suingue e os hits que se destacam são “Caraca, Muleke!”, “Para de Sumir”, “Outro dia, Outra História” com participação de Lulu Santos e “História de amor” de Rodriguinho. O cantor é o compositor de todas as canções.

Em 2014, ele ganha como melhor cantor no Prêmio Multishow de Música Brasileira e também na categoria música chiclete por “Caraca Muleke”.

Em 2015, Thiaguinho lança “Hey Mundo” e no disco tem guitarra, metais e violões de aço em seu pagode, o que faz com que ele se renove sempre. As músicas de sucesso são “O Amor Venceu”, “Doi Mais”, “Hey, Mundo” e “Só de Sacanagem”. E o cantor também conta com diversas participações especiais, como a de Rodriguino na canção “Pra que Viver Nesse Mundo”, de Péricles em “Fantasma”, Rogério Flausino, do grupo Jota Quest em “Não Pare”, Hellen Caroline em “O Amor Venceu” e Dr. Dan em “Para pra pensar”. O disco é um sucesso, inclusive no iTunes.

Thiaguinho na telinha

Thiaguinho também já fez participações especiais como ele mesmo em duas temporadas da novelinha teen Malhação, sendo que na de 2013 ele deu um beijão em sua então namorada Fernanda Souza, além das novelas Cheias de Charme e Geração Brasil. Todas da Rede Globo. Na mesma emissora ele também apresentou o programa de música Sai do Chão.

No canal pago Multuishow ele tem um programa chamado Música Boa ao Vivo e já fez uma participação no Vai que Cola ao lado do talentosíssimo Paulo Gustavo. Thiaguinho também colocou seu talento na novelinha infantil Gaby Estrela, do canal Gloob. E em 2015, ele é convidado para ser um dos jurados técnicos do programa dominical Superstar e está se saindo muito bem.

Direto para as novelas

Dentro do seu repertório da carreira solo, algumas de suas canções já foram selecionadas para entrar na trilha sonora de diversas novelas. A música “Simples Desejo” entra em Sangue Bom, “Mamão com Mel” em Aquele Beijo e “Cara Muleke em Geração Brasil, todas da Rede Globo.

Sucesso na web

Embora algumas músicas de seus shows tenham virados clipes de canções, o cantor também fez algumas produções. Em “Desencana”, ele é o personagem principal em um cenário com efeitos especiais e conta com uma rápida aparição da gatíssima atriz Paloma Bernardi.

Em “Caraca Muleke” não poderia ser diferente, há participação do grande amigo, o jogador Neymar e do promoter e também amigo de longa data David Brasil e o clipe foi gravado na praia, no maior alto astral.

Já a música “Sem Você a Vida é Tão Sem Graça” tem como cenário uma paisagem que remete ao deserto e uma casa. Em “Ainda é Tudo Seu”, ele e Luiza Possi estão cantando brilhantemente em um estúdio.

Thiaguinho também gravou um clipe com a cantora Claudia Leitte, onde eles interpretam a canção “Quer Saber” e vivem um casal que se separou e está sofrendo pela situação. Ele também fechou parceria com o grupo Hawaianos e fizeram o clipe “Festinha” que retrata o clima de festa na piscina. E o cantor ainda filmou no México com o grupo Maná um clipe que tem um casal em clima de sedução e muito cenário urbano.

Um complemento

Para quem gosta das músicas de Thiaguinho, o cantor tem a loja do Thiaguinho onde comercializa – on line -copos, camisetas, nécessaire, chaveiro, capa para celular, chinelos, acessórios de informática... tudo com frases de suas canções.

É muito amor

Sempre muito baladeiro e amigo de um dos caras que mais curte a noitada, o jogador Neymar, em 2015 Thiaguinho deixou o time dos solteiros ao se casar com a atriz Fernanda Souza em uma festa baladíssima e muito emocionante. Entre os padrinhos estavam Preta Gil e Angélica, Claudia Raia e Samara Felippo. Thiago chegou a cantar a música "Ainda Bem", um de seus maiores sucessos e Fernandinha não conteve as lágrimas de emoção.

Eles começaram a namorar em 2011 e assumiram publicamente o relacionamento durante uma apresentação do cantor no programa TV Xuxa. Essa foi a primeira vez que eles apareceram juntos, inclusive para a família.
    Foto do Álbum