Minha Grande Amiga (Letra)
Minha amiga, grande amiga
Morrendo estou te amando
Da nossa grande amizade
Grande amor está brotando
Aos seus pés eu canto e choro
Aos seus pés canto chorando

Tenho fome e tenho sede
Não quero pão e nem vinho
Tenho fome de um abraço
Tenho sede de um carinho
Ela nos braços de outro
Me destrói devagarinho

Meus versos não são bonitos
Bonito não sei fazer
Bonitos são os seus olhos
Que não querem mais me ver

Os meus pés estão no chão
E a cabeça no infinito
No tribunal do meu peito
Corre um processo esquisito
O amor e amizade
Estão em grande conflito

No dia do julgamento
Duelo vai ser bonito
Coração vai ser o juiz
Que vai dar o veredicto
Quando a amizade é forte
O amor ganha no grito

Meus versos não são bonitos
Bonito não sei fazer
Bonitos são os seus olhos
Que não querem mais me ver
Informações

da Música (Minha Grande Amiga)

Editar Informações

Comentários Minha Grande Amiga

  • Comentar
      Foto do Álbum