Alma De Nordestino (Letra)
Compositores: Zé Do Rancho, Ado Benatti
Eu deixei meu Ceará
Quando a cacimba secou
Com o sol abrasador
Toda a terra esturricou

A seca matou meu gado
Deus levou minha muié
Eu perdi tudo que tinha
Mas não perdi minha fé

Minha alma está muito triste
Meus olhos estão chorando
Meu coração não resiste
Do nordeste estou lembrando
Adeus, adeus, adeus
Só Deus sabe até quando

Neste mundo ninguém sofre
Como sofre o nordestino
Em luta com a natureza
Sem consolo e sem destino

Eu andei dizendo as léguas
E cheguei aqui sozinho
A saudade do nordeste
É a cruz do meu caminho

Minha alma está muito triste
Meus olhos estão chorando
Meu coração não resiste
Do nordeste estou lembrando
Adeus, adeus, adeus
Só Deus sabe até quando
Adeus, adeus, adeus
Só Deus sabe até quando
Informações

da Música (Alma De Nordestino)

Editar Informações

Comentários Alma De Nordestino

  • Comentar
      Foto do Álbum