Gigante Adormecido (Letra)
Compositor: Zé Do Rancho
O céu se cobriu de luto
Uma multidão chorou
Quando a imprensa e o rádio
Este fato noticiou
Tudo foi tão de repente
Assim o destino quis
Isso dói dentro da gente
Morreu um dos presidentes
Que mais fez pelo país

Juscelino Kubitschek
Mineiro muito arrojado
Homem de muita coragem
E bastante dedicado
O progresso do Brasil
Muito ficou lhe devendo
As obras que ele deixou
Tudo que realizou
Todo mundo está sabendo

Abriu novos horizontes
Construindo rodovias
Entre todas que ele fez
É a famosa Rio-Bahia
A maior de suas obras
Que se tornou colossal
Foi com horas de vigília
Que ele construiu Brasília
Que hoje é nossa capital

As fábricas de automóveis
São de iniciativa sua
É só carros nacionais
Que hoje se vê pelas ruas
Foi um dos que mais lutou
Em prol do nosso transporte
E no calor do progresso
Do que fez vendo sucesso
Ele encontrou sua morte

Como pode um peixe vivo
Viver fora da água fria
Sua canção predileta
Nas serestas que fazia
Cidade de Diamantina
Lá no estado mineiro
Só muita saudade resta
Os amigos das serestas
Perderam um seresteiro

Na capital dos seus sonhos
No campo da esperança
Hoje é sua morada
Finalmente ele descansa
O gigante adormecido
Com todas as honras e glórias
Assim foi sua partida
Ao chegar no fim da vida
Para começar na história
Informações

da Música (Gigante Adormecido)

Editar Informações

Comentários Gigante Adormecido

  • Comentar
      Foto do Álbum