Deusa Sublime (Letra)
Compositores: Quintino Elizeu, Altimar
Foi o ciúmes que desfez nossa união
Vamos viver eternamente separados
É impossível nossa reconciliação
Mas não esqueço que fui feliz ao teu lado

Todos que sofrem chegam nesta conclusão
Penitenciam pelos erros do passado
Compreendi que tive o mundo em minhas mãos
E já vivi num paraíso encantado

Foi o ciúmes que desfez completamente
O nosso idílio e todas as nossas juras
Agora vejo estampado em minha frente
A tua imagem é um turbilhão de amargura

Mesmo assim hei de querer-te eternamente
Eu te amei, ainda amo com loucura
Só o desejo de ser feliz novamente
Faz esquecer a minha cruel desventura

Hoje o ciúmes é somente o que separa
O grande amor que tão cedo se findou
Eu te comparo com uma joia rara
Quanta beleza a vida te proporcionou

Longe de ti parece que o mundo para
Sofro demais ao relembrar o que passou
Não há mulher que contigo se compare
Deusa sublime que a natureza criou
Informações

da Música (Deusa Sublime)

Editar Informações

Comentários Deusa Sublime

  • Comentar
      Foto do Álbum