Add

Aqui da laje da favela
Fico imaginando
Onde anda o cupido que nos apresentou
Se tirou férias não regressou


Meu coração ainda dispara
Quando vejo ao longe o redentor
São lembranças de nosso passeio
Tão cheio de amor


No cair da lua
Desço a lapa com meu violão
Tentando enganar minha solidão
Mas levo no peito a figa de marfim
Que você me deixou


Se volto ao amanhecer
É porque uma diversão em dó maior
Durante a noite me fez existir
No pedido da sai dera...(2X)


Lá no fundo sonho encontrar
Minha preta preparando nosso feijão
Satisfeita com meus improvisos
Sorrindo dos morangos que trago na mão
Entendendo que boémio não é perdição..,

Comentários
  • Comentar
      Foto do Álbum