Lavadeira (Letra)
Compositor: inserir

Põe água na tina, menina
Que tem roupa pra lavar
Bate, bate com sabão
Esfrega, esfrega na mão
Depois bota pra quarar

Aquecendo lindas manhãs
Com o imenso fulgor o sol
Faz dourar as margens das corredeiras
E o canto das lavadeiras
Ecoa no arrebol

Põe água na tina, menina...
Meio-dia, sol a pino se recolhe
A roupa do quarador
Que Maria enxágua na bacia
Numa água azul de anil
No pescoço, um colar de pregadores
Que um a um faz prender a roupa no varal

Sem ver a vida passar sempre a cantarolar
Um canto de amor tão sutil
Que se expande na multidão
Penetra no coração
Encorajando o peito juvenil

O vento que ajuda a roupa a secar
Também leva o teu cantarolar
Pra todo canto do meu Brasil

Põe água na tina, menina

Isabelly Barbosa Pereira,
Informações

da Música (Lavadeira)

Editar Informações

Comentários Lavadeira

  • Comentar
      Foto do Álbum