Add
mania da gente (Letra)
Compositor: inserir
Nos convidaram pra uma festança
Tinha show de dança e de balé (show de dança e de balé)
Nunca vimos tanta comilança
Enchemos a pança de canapés (Ô de canapés)
Era um clima bem festivo
Do rock progressivo ao hip hop
Bebidas de todos os tipos
Uísque, conhaque, tequila e choppe
Foi um sábado elegante
Curtimos bastante
Com ar de contente
Mas o samba é mania da gente
Mas o samba é mania da gente
A filha da dona da casa
Fez o que podia pra nos contentar
Porém, não sabia a menina
Que o papo da turma era mesmo sambar
E até dançou uma dança espanhola
Dizendo pra gente que era diferente
Só pra desmonstrar cultura a gente
O pai da menina um senhor já de ida
Outrora dizia ser compositor
Ainda assistia no videocassete
Um gordo elegante com voz de tenor
Até tivemos que ouvir Pavarotti e Ravel
Que na casa tem alta patente
Só pra confundir a nossa mente
Mas com sorriso no rosto
Lá se foi mais um tira gosto
Com jeito feliz da vida
Um gole, outra bebida
Até caímos numa dança nova
De um lado pro outro
Pra trás e pra frente
Mas o samba é mania da gente
Mas o samba é mania da gente
Uma casa tão bonita
Nada igual ao meu barraco, todo diferente
Mas o samba é mania da gente
Tanta bebida importada
Mas não tinha uma batida
Nem uma aguardente
Mas o samba é mania da gente
A filha da dona da casa
Toda assanhada
Fingindo inocente
Mas o samba é mania da gente
Informações

da Música (mania da gente)

Editar Informações

Comentários mania da gente

  • Comentar
      Foto do Álbum